Home / Noticias 2008 / 08-166

 

Pôr-do-sol no largo dos Amores cria cenário de
romance em São Luís



Praça Gonçalves Dias, no centro de São Luis,
é também conhecida como largo dos Amores;
local tem bela vista ao pôr-do-sol

Um dos pontos turísticos mais bonitos de São Luís é a praça Gonçalves Dias, no centro da cidade. Conhecida também como largo dos Amores, a praça é a opção favorita dos apaixonados para passear e curtir momentos de romance. Ainda há a possibilidade de, no final da tarde, apreciar um espetacular pôr-do-sol sobre o mar prateado da ilha de São Luís.

Bem no centro da praça está a estátua de Gonçalves Dias, famoso poeta e escritor maranhense. Rodeado por palmeiras, o lugar ainda tem uma linda vista para a baía de São Marcos.


O Palácio dos Leões, a atual sede do governo, é um outro atrativo do centro histórico. Construído em 1766, sobre uma antiga fortaleza francesa, o palácio ainda exibe parte da estrutura do antigo forte, toda de pedra, que serve de base para o palacete. E a construção está aberta para visitação. Seus grandes salões chamam a atenção, exibindo lustres de cristal e móveis franceses, enquanto a sala de jantar leva decoração portuguesa.

São Luís também é conhecida como a cidade dos azulejos --todos trazidos da Europa--, que dão colorido às fachadas dos casarões. Outros pontos que merecem uma visita são o teatro Arthur Azevedo e as fontes das Pedras e do Ribeirão.

Próxima ao palácio fica a rua Cândido Mendes, que abriga muitos restaurantes e bares que funcionam até tarde, ideais para descansar após o passeio. Para finalizar o dia, nada melhor do que provar um pouco da culinária local.

O Maranhão tem fama de oferecer comida farta, apetitosa e barata, misturando a culinária portuguesa com a indígena e a africana. O prato maranhense mais famoso é o arroz-de-cuxá, uma mistura de gergelim com camarão e farinha secos e pimenta-de-cheiro.

O arremate final é dado pela vinagreira, uma hortaliça regional de sabor amargo. E, como manda a tradição, o acompanhamento fica por conta de um bom peixe frito.


Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/
turismo/noticias/ult338u449166.shtml